Começa a construção do Centro Cultural de Salvador do Sul

Começa a construção do Centro Cultural de Salvador do Sul

08/02/2024

Fomentar a cultura de Salvador do Sul segue sendo uma das metas da atual gestão municipal. Como uma maneira de colaborar mais com o setor, foi dado início na última semana da construção do novo Centro Cultural.


O prefeito Marco Eckert declarou que essa obra é um ponto alto para toda a comunidade. ''É um marco histórico na cultura de Salvador do Sul o Centro Cultural, um legado para nossa cidade''.
A secretária da Educação, Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Valéria Tânia Camillo Haupt frisou que o centro vem para estabelecer de maneira mais firme e adequada as artes salvadorenses. ''Com esse espaço, iremos legitimar ainda mais as nossas atividades culturais'', declarou.


O local escolhido foi os fundos da prefeitura municipal, junto à praça José Lindolpho Hummes, espaço nobre do município. A execução da obra ocorrerá em etapas, sendo que a primeira receberá o valor de R$ 287.306,00 de recurso oriundo do Ministério do Turismo através de emenda do parlamentar Osmar Terra, MDB, intermediada pelo vereador Henrique Kirch, mais a contrapartida da prefeitura de R$ 142.500,00. Em relação ao prazo de execução da obra da primeira etapa, está prevista para acontecer no período de 6 meses.


O projeto do Centro de Eventos foi dividido em duas etapas para que fosse possível a sua execução. Conforme a arquiteta do município, Sheila Dambrós, a primeira etapa trata-se do módulo que abrange o palco externo, configurando-se como uma concha acústica voltada para a Praça José Lindolpho Hummes com a finalidade de abrigar os eventos externos, que terão um espaço reformulado posteriormente com a pavimentação do estacionamento aberto. ''Além do palco externo, nessa primeira etapa serão construídos os camarins e sanitários e o palco interno do auditório'', explica ela. O acesso ao Centro Cultural se dará pela Avenida Jacob Damião Muller e o palco externo para a Praça José Lindolpho Hummes. ''As tecnologias construtivas utilizadas foram definidas através das necessidades de vencer grandes vãos para a execução da abertura do palco para isso será utilizada estrutura metálica e cobertura em telha termoacustica. A boca do palco externo terá o vão livre de 15 metros e a boca do palco interno de 11 metros'', acrescenta a arquiteta.


Já a segunda etapa contempla a construção da parte referente ao auditório que terá a capacidade de ocupação de 286 pessoas, além de teatro e sanitários. Haverá também construção de rampa e escada de acesso e, no desnível abaixo do teatro, espaço para depósitos de equipamentos. Para essa etapa o recurso, que também já está depositado, é de R$ 425 mil.